Procurar
Close this search box.
Procurar
Close this search box.

Valorização da Tabanca – Apresentação projeto Casa de Tabanca de Achada Grande

Valorização da Tabanca - Candidatura a Património Mundial

A presidente do Instituto do Património Cultural, Ana Samira Silva Baessa, acompanhada da Diretora do Património Imaterial, Carla Semedo, da Diretora dos Monumentos e Sítios, Ângela Almeida, e do Arquiteto Daniel de Oliveira, reuniu com a Associação da Tabanca de Achada Grande, representado pelo Rei da Tabanca Sr. “Néné” e os membros Sr. Orlando Cardoso e Zelito Fernandes.

Um encontro no quadro do Programa de valorização da Tabanca delineado pelo Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas através do IPC e que consubstancia a política de valorização da Tabanca enquanto Património Cultural Imaterial Nacional.

No caso específico da Tabanca de Achada Grande, o IPC está a apoiar o grupo no projeto de reabilitação da Casa Tabanca de modo a criar melhores condições para atender as necessidades do grupo e da comunidade onde está inserido, revitalizando o importante papel social da tabanca enquanto manifestação cultural.

O Programa de valorização da Tabanca assumiu um carácter formal, a partir de 2018, com a assinatura do contrato de financiamento anual com os grupos formalmente constituídos, o apoio técnico permanente a todos os grupos e a criação de espaço de representação e interpretação que vai beneficiar os grupos conforme as suas demandas.

Esta ação tem contribuído para revigorar a tabanca enquanto manifestação e para a consolidação do processo da sua candidatura à lista de Património Imaterial da Humanidade.

Partilhar

Celebração do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

Os alunos de História da Escola Secundária de Salineiro, em Ribeira Grande de Santiago, participaram numa conversa dedicada à Proteção do Património histórico e cultural com incidência sobre o património Arqueológico e Subaquático.