Museu do Sal promove aulas de língua cabo-verdiana para turistas

Museu do Sal promove aulas de língua cabo-verdiana para turistas

O Museu do Sal está a promover todas as segundas e quartas-feiras, aulas da língua cabo-verdiana.

Trata-se de um projeto piloto, que num primeiro momento efetivou-se no âmbito das comemorações do mês da língua materna, mas que agora alarga-se, que devido a forte procura.

É a única iniciativa institucional de ensino do crioulo na ilha do Sal, permitindo para além da aprendizagem da língua materna cabo-verdiana, um melhor conhecimento da cultura nacional no seu sentido mais abrangente.

Tem sido o foco do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas através do Instituto do Património Cultural, trabalhar na valorização da língua cabo-verdiana enquanto património, nas suas diferentes variedades, na medida que, esta tem sido um veículo de transmissão e promoção da identidade cultural cabo-verdiana.

Estas ações enquadram-se no âmbito da implementação das políticas linguísticas definidas no plano da salvaguarda consequente a classificação da língua como Património Nacional através da resolução de 9 de agosto de 2019.As sessões do ensino da língua materna são destinadas a estrangeiros que queiram aprender e conhecer melhor a cultura nacional.

As mesmas estão ainda abertas a nacionais que queiram conhecer as regras da escrita e outras variantes . Neste momento participam da iniciativa cerca de 10 turistas estrangeiros do turismo residencial. As aulas da língua cabo-verdiana são lecionadas pela responsável do Museu do Sal, Érica Lopes, sob a coordenação da linguista e técnica do IPC Adelaide Monteiro.

Partilhar
Últimas Notícias

DIA MUNDIAL DO TURISMO

Comemora-se hoje o dia Mundial do Turismo, este ano sob o lema “Repensando o Turismo”, onde a Organização Mundial do Turismo faz um apelo a