IPC dá início à implementação do projeto de musealização das Ruínas da Igreja de Nossa Senhora da Conceição

IPC dá início à implementação do projeto de musealização das Ruínas da Igreja de Nossa Senhora da Conceição

O Instituto do Património Cultural deu início ontem, 29 de agosto, á implementação do projeto de musealização das ruínas de Nossa Senhora da Conceição sito na Cidade Velha, Património Mundial.

As intervenções passarão pela construção das partes dos murros em falta e dos degraus à semelhança dos existentes; Calcetamento de todo o piso ao redor da ruína; Fornecimento e assentamento do corrimão em pilaretes de madeira, dos bancos, das lixeiras, das escadas em madeira mognos e estrutura metálica e da jora; Execução, ligação e montagem de toda a instalação e rede elétrica incluindo os candeeiros, das sinaléticas e dos painéis informativos.

A musealização das ruínas da ermida dará uma nova abordagem na gestão da Cidade Velha Património Mundial, seguindo as recomendações da UNESCO, segundo a qual, é desejável um melhor equilíbrio entre a conservação do património histórico e o desenvolvimento urbano, valorização do espaço natural e ambiental, com vista a contribuir para melhorar a qualidade de vida e sentido de pertença dos residentes e visitantes.

Igualmente, o projeto irá permitir a conservação dos vestígios localmente, permitindo assim uma compreensão fidedigna da história e do sítio arqueológico na sua íntegra, bem como inovar as infraestruturas culturais do sítio histórico, gerar empregos através de espaços de qualidade como um produto turístico de excelência.

É de realçar que a Musealização das Ruínas de Nossa Senhora da Conceição é cofinanciada pelo Camões Instituto no valor de 15.000 euros.

Partilhar
Últimas Notícias

DIA MUNDIAL DO TURISMO

Comemora-se hoje o dia Mundial do Turismo, este ano sob o lema “Repensando o Turismo”, onde a Organização Mundial do Turismo faz um apelo a