Procurar
Close this search box.
Procurar
Close this search box.

Campo de Concentração do Tarrafal – Programa para os 50 anos do encerramento e libertação dos presos políticos

Campo-de-Concentração-do-Tarrafal.

Equipa diretiva do IPC reúne com dirigentes dos sectores da tutela do MCIC afim de socializar a proposta para as celebrações dos 50 anos do encerramento do Campo de Concentração do Tarrafal e da libertação dos presos políticos a 1 de Maio de 1974 e definir mecanismos de participação nesta efeméride.

E, tratando-se de um marco de grande relevância histórica para todos os países cujas memórias se associam ao Campo de Concentração do Tarrafal, como Cabo Verde, Portugal, Angola, Guiné Bissau, do programa constam várias iniciativas conjuntas, que visa promover a reflexão e perpetuar essas memórias de luta, resistência e a conquista da liberdade e da dignidade humana nestes territórios.

O programa visa, também, prestar homenagem a várias figuras transnacionais cujas estórias de vida estão veiculadas ao espaço, resgatando novas percepções ligados ao diálogo, tolerância e construção da paz.

O programa geral integra as propostas para a realização de um simpósio “Diálogos do Tarrafal; Festival de Resistência (literatura, música, artes plásticas, artes cénicas), Montagem de um auditório, Monumento à liberdade e à paz, Montagem da biblioteca temática, entre outras iniciativas.

As atividades para a celebração dos 50 anos do enceramento do Campo do Tarrafal estão a ser delineados em parceria com a várias entidades portuguesas através da Comissão dos 50 anos do 25 de Abril e do Instituto Camões, a Embaixada de Angola e da Guiné Bissau que faz a conexão com os Ministérios da Cultura e instituições afins nos respetivos países.

Partilhar

Chantier-École Internacional -Santiago 24

Cidade Velha, acolhe no quadro dos 15º aniversário da sua classificação a Património Mundial o primeiro Chantier-École Internacional de Arqueologia Subaquática, entre os dias 1