ipc visita edifcios contemplados Sao miguel

No âmbito da coordenação do Eixo IV do Programa de Reabilitação, Requalificação e Acessibilidades – PRRA, uma equipa do Instituto do Instituto do Património Cultural, liderada pelo seu Presidente Hamilton Jair Fernandes, deslocou-se ao concelho da Calheta de São Miguel, para uma visita aos edifícios contemplados para reabilitação, no quadro do programa.

Em São Miguel foram contemplados dois edifícios religiosos, a Capela de Nossa Senhora do Socorro e a Capela de Flamengos e a antiga Sede da Delegação Municipal. A reabilitação destes edificados está orçada em 3. 888. 000. 00, 4.334.000.00 e 18.000.00.00, respetivamente.

Acompanhados do edil local, Herménio Celso Fernandes, e o pároco local, a visita teve inicio pela Capela de Nossa Senhora do Socorro, aonde a Arquiteta, Jandira Teixeira Silva, responsável pelo projeto pode explicar aos mesmos as intervenções que se preconizam.

Intervenções que visam não somente a sua requalificação, mas que traga alguma dignidade à essa capela centenária, edificada em homenagem à Nossa Senhora do Socorro. Com uma planta em formato T, CNSC possui uma cobertura abobadada no corpo central.

A fachada principal é de um só pano, delimitado por cunhais coroadas por pináculos, com um portal de verga em arco pleno, com inscrição MA, e rematada por um frontão curvo com cruz central.

O seu projeto de reabilitação está a ser traçado pela Arquiteta Jandira Teixeira Silva e pelo Enginheiro Louvualu.

De seguida a equipa de Fernandes, visitou a Capela de Flamengos, cujo interior comporta jazigo datado de 1849, remetendo para época da sua construção. É um edifício com planta em formato T, com dois corpos escalonados de um só pano delimitado por pilastras nos cunhais arrematadas por pináculos, rasgada por vãos de verga em arco pleno, com frontão triangular. O seu projeto de reabilitação está a ser elaborado pela Arquiteta Jandira Teixeira Silva e pelo Engenheiro Anildo RM.

A equipa do Instituto do Património Cultural visitou, por fim, o edifício que alberga a antiga Delegação Municipal de São Miguel.

A reabilitação desses edifícios enquadram-se no Plano Nacional de Reabilitação dos Edifícios Históricos e Religiosos traçado pelo Ministério das Relações Exteriores, através do Instituto do Património Cultural, e é financiado integralmente pelo Governo de Cabo Verde, através do PRRA

Últimas Notícias