curso em gestao de museus FAC

Fernandes, Presidente do Instituto do Património Cultural, fez esta afirmação durante o seu discurso de abertura da formação “Gestão de Museus – Bases orientadoras para a elaboração de um Plano Museológico”, que decorre na Praia ao longo desta semana.

Participam desta formação técnicos dos vários museus, públicos e privados, do país. Uma formação que, no dizer de Fernandes, vai dar um passo importante na melhoria do trabalho nos museus de Cabo Verde e apetrechar os técnicos de bases impulsionadoras para a nova largada museológica que se quer no país.

Esta formação, promovida pela Fundação Amílcar Cabral (FAC), em parceria da Fundação Lelio e Lisli Basso de Itália, e a Direção Geral do Património Cultural de Portugal (DGPC), e ministrada pela Teresa Mourão da DGPC, surge na sequência da formação em “gestão de museus” promovida pelo Instituto do Património Cultural no em junho de 2018.

E “pode-se considerar uma segunda etapa daquela formação”, afirmou Teresa Mourão, crente de que esta formação vai trazer excelentes pistas de reflexão sobre os museus do país e um plano museológico útil para os museus em Cabo Verde.

 

 

Últimas Notícias