CMRGS quadro logicoA equipa Diretiva do Instituto do Património Cultural recebeu, no instituto, o Vereador da Cultura do Município de Ribeira Grande de Santiago, Domingos da Veiga, para apresentação do “Quadro Lógico” de desenvolvimento da Cidade Velha, Património Mundial, e do Município.

O referido quadro, elaborado no âmbito do plano estratégico da Ribeira Grande de Santiago, visa o desenvolvimento de várias áreas, nomeadamente a cultura, sociedade, gênero, economia, entre outras.

Um plano estratégico que a edilidade local ambiciona abrangente e robusto. Neste sentido, solicita a estreita colaboração do instituto nesta matéria por forma a alinhar os projetos, programas da Edilidade com os do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas e, por conseguinte, do Instituto do Património Cultural, entidade responsável pela preservação do património cultural nacional.

De referir que o Gabinete de Gestão da Cidade Velha - Património Mundial(GGCVPM), afeto ao IPC, está neste momento a finalizar um Plano de Gestão do Sítio, horizonte 2022. Um plano exigido pela UNESCO para com os sítios classificados património mundial.

Um plano que em vários pontos coincide com os planos municipais, o que implica, segundo o Presidente do IPC, Hamilton Jair Fernandes, uma boa articulação e gestão dos recursos, tanto municipais como do instituto, evitando sobreposição de ações. Para isso, solicitou o plano estratégico da CMRGS para uma avaliação e alinhamento interno, atendendo aos PEDS e ODS municipal.

Em curso também está o projeto de reabilitação da Igreja Nossa Senhora do Rosário, tendo o Ministério das Infra-Estruturas, do Ordenamento do Território e Habitação lançado o concurso para execução da empreitada, e o Manual ilustrado de normas urbanísticas, desenvolvida pelo gabinete técnico conjunto destes dois organismos.

Ao final do encontro, ficou o compromisso de a Câmara Municipal da Ribeira Grande de Santiago incluir o plano de gestão da Cidade Velha, Património Mundial, desenvolvido pela equipa técnica do IPC, no plano estratégico do município de Ribeira Grande de Santiago.

Participaram do encontro Sandra Martins, Diretora do Património Imaterial, Jaylson Monteiro, Coordenador da Direção dos Monumentos e Sítios, Fátima Barbosa, Coordenadora do Gabinete de Cooperação, Adilson Dias, Coordenador da Direção de Museologia e Museu, e Ana Samira Silva, Coordenadora do Gabinete de Gestão da Cidade Velha, Património Mundial.

Últimas Notícias