dia internacional da lingua maternaA língua cabo-verdiana vai ser celebrada no dia 21 de fevereiro, data em que a UNESCO proclamou como dia internacional da língua materna. Para marcar esta data importante, o IPC - Instituto do Património Cultural​, tem programado eventos nas ilhas do Maio e do Sal.

A ideia de desconcentrar estas atividades tem dois objetivos: por um lado valorizar as variedades da língua materna cabo-verdiana e por outro promover as boas práticas que envolvem o uso da língua cabo-verdiana.

Na ilha do Maio vai se organizar, pela primeira vez, em parceria com a Câmara Municipal do Maio​, uma sessão de informação e conversa sobre este património linguístico, com a sociedade civil maense, os estudantes e os artistas locais. A mesa será composta pelos técnicos do IPC, a linguista Adelaide Monteiro​ e o Humberto Lima​. Adelaide Monteiro apresentará o tema focando algumas variantes da diversidade da língua cabo-verdiana, enquanto que Humberto Lima discorrerá sobre o papel da língua materna na preservação do património cultural oral (tradições orais).

Na ilha do Sal, haverá sessões de jogos e estórias tradicionais que mostram o papel importante da língua materna na transmissão de valores e momentos de socialização. E ainda a construção de um mosaico das variedades do crioulo cabo-verdiana.

Últimas Notícias