cidadev

Ribeira Grande de Santiago, comumente designado de Cidade Velha trata-se do primeiro aglomerado europeu nos trópicos. Durante séculos (sec. XV a sec. XVIII) desempenhou um papel geoestratégico na navegação transoceânica, designadamente, no fornecimento de mantimentos, na reparação de embarcações e na cura de enfermos.

Igualmente, funcionou como placa giratória no comércio triangular de escravos (Europa, Africa, América) que se desenvolveu a partir dos meados do século XVI. Por outro lado, a fertilidade do solo e a abundância de água levou a fixação de colonos e escravos. A medida que a dinâmica social foi organizando, foram-se construindo várias infraestruturas de cariz militar, religioso e civil condensado num pequeno aglomerado urbano, e que hoje representam o testemunho da grandiosidade histórica da Cidade Velha.

O Sítio Histórico da Cidade Velha, foi classificado em 2009 pela UNESCO como Património da Humanidade, pelos critérios II, III e VI.

O critério II prende-se aos monumentos e vestígios ainda existentes na Cidade Velha enquanto testemunhos do seu papel nas trocas comercias. Critério III, pela sua paisagem urbana, marítima e pitoresca que remetem aos mais de 3 séculos de escravidão dos seres humanos.

Já o critério VI, por ser o berço da primeira sociedade mestiça que se difunde pelo Atlântico através da gastronomia, farmacopeia, e outros saberes.

Sítio Histórico Cidade Velha